sábado, 23 de março de 2013

Tem saco? Não? Então leva no pacote.

Eu sou um saco. Um saco sem fundo, onde toda gente coloca as suas frustrações sem ao menos se aperceberem que me magoam.
E as frustrações dos outros levam a que, eu própria, seja uma frustrada.

Tudo isto, se transforma numa bola de neve, como é de esperar. Pelo menos eu consigo sentir-me culpada e egoísta quando descarrego em alguém.


Portanto, não sei o que é pior: ser saco, ou levar no "pacote"! Se é que me entendes, num é?!


4 comentários:

a Gaja disse...

eu entendo-te,lol

Where is...the Perfection? disse...

Tens de por limites...
R:Pois,fazer fazem ahah xD

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

...traigo
ecos
de
la
tarde
callada
en
la
mano
y
una
vela
de
mi
corazón
para
invitarte
y
darte
este
alma
que
viene
para
compartir
contigo
tu
bello
blog
con
un
ramillete
de
oro
y
claveles
dentro...


desde mis
HORAS ROTAS
Y AULA DE PAZ


COMPARTIENDO ILUSION
CAT

CON saludos de la luna al
reflejarse en el mar de la
poesía...




ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE DJANGO, MASTER AND COMMANDER, LEYENDAS DE PASIÓN, BAILANDO CON LOBOS, THE ARTIST, TITANIC…

José
Ramón...


Pestinha disse...

Confessa lá, de vez em quando gostas de levar umas palmaditas...

ehehhehehhehehheh

Eu compreendo o que sentes, infelizmente não és a única nessa posição!

Kiss**

P.S.- Tava na brinca com as palmaditas! :-p