terça-feira, 5 de junho de 2012

Uma aventura na gerência

Ser gerente é:

  • trabalhar mais de 8 horas por dia.
  • é ter de lembrar de muita coisa o que é um problema para uma esquecida como eu
  • é ter atenção ao meu trabalho e acima de tudo ao trabalho da minha equipa
  • é estar sempre em cima do acontecimento
  • é saber falar
  • é saber comandar
  • é saber separar as águas
  • é saber de cor todas as encomendas pedidas
  • é saber preencher papelada de olhos fechados
  • é dar sermão
  • é deixar as tarefas orientadas
  • é fazer horários e agradar toda gente
  • é saber código de trabalho, de higiene e segurança e de funcionamento e regulamento da casa
  • é saber mil e um códigos
  • é contar dinheiro quase de olhos fechados
  • é estar sempre a correr para o banco
  • é sair as 15h e ter de voltar ao fecho para fazer o caixa
  • é não ganhar quase mais nada por isso!

Ser gerente, no fundo, é fodido!


2 comentários:

Pestinha disse...

Eu sei que é chato, temos sempre de saber tudo de todos e o nosso mundo tem de girar em função da empresa... Agora adiciona a isso, clientes a reclamar, o teu departamento técnico não funciona, o patrão ainda por cima não quer saber nada daquilo, e, chegas à conclusão que mandas mais do que ele e deparas-te com o desmazelo da tua vida social... Mentalizas-te que é apenas por 2/3 anos para ganhares guito e quando dás por ti, já fazes daquilo um vício que já não consegues deixar... A vantagem de tudo é que o dia a dia nunca é rotineiro...

ehehheehhehe

Kiss** compreendedor**

P.S.- Acontece aos melhores Cat **

a Gaja disse...

Sei bem o que é...ou quase. Sou sub gerente e já sei bem o que é isso tudo!